Home, Asia, Europe, North America, Latin America and Caribbean, Oceania, Notícias, Mapa do site
Início / Articles (WORLD) / Aproveitar a APU para promover os direitos das pessoas LGBTI: testemunhos de ativistas
lendo mapa..

Contribuidores

ILGA Stephen Barris, ILGA
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Francês)
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Espanhol)
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Português)

Facebook

Aproveitar a APU para promover os direitos das pessoas LGBTI: testemunhos de ativistas

in WORLD, 25/03/2013

Patricia Curzi, responsável pelas relações da ILGA com a ONU, entrevistou diversos ativistas sobre a sua experiência de trabalho no âmbito da Análise Periódica Universal (APU).

Tanvir Alim: Análise Periódica Universal e Direitos LGBTI no Bangladeche

Tanvir Alim foi recebido em Genebra pela ILGA, por ocasião da 24.ª sessão do Conselho dos Direitos Humanos, em que o relatório da APU relativa ao Bangladeche foi formalmente adotado a 20 de setembro de 2013. Tanvir pôde apresentar uma declaração oral em nome da ILGA e da sua organização. Anteriormente, (...)

English Español Français Português
 

Franz Mananga: Análise Periódica Universal e direitos LGBTI: Camarões

Franz Mananga foi recebido em Genebra, em maio de 2013, por Patricia Curzi, da ILGA, que o acompanhou nos contactos às missões diplomáticas para que, no âmbito da análise do seu país, sejam feitas recomendações relativas à orientação sexual e à identidade de género. Franz e os outros grupos LGBTI camaroneses tinham já contactado as embaixadas na capital dos Camarões, Iaundé.

English Español Français Português

Yazusa Yamashita: "A Análise Periódica Universal e os Direitos LGBTI: Japão"

Desde 2005, Azusa Yamashita é codiretora e editora do Gay Japan News, grupo de defesa e de advocacia e fonte de notícias LGBTI não comercial do Japão. Ao mesmo tempo em que é pesquisadora universitária em tempo integral, ela vem atuando para destacar a situação dos direitos humanos das minorias sexuais no Japão através dos mecanismos de direitos humanos das Nações Unidas enviando os pontos de vistas e informações das organizações não-governamentais. Entrevista realizada por Stephen Barris.

English Español Français Português

Caine Youngman: "Direitos LGBTI no âmbito da Análise Periódica Universal: Bostsuana"

Em janeiro de 2013, a 15.ª sessão da Análise Periódica Universal (APU) debruçou-se sobre o Botsuana, juntamente com treze outros países. Os relatórios das organizações não-governamentais (ONG) tinham sido enviados, conforme o prescrito, sete meses antes. Caine Jason Kaene Youngman, um enérgico membro da organização LEGABIBO (Lésbicas, Gays e Bissexuais do Botsuana), que faz parte da ILGA desde 2005, assistiu à sessão. Entrevista de Patricia Curzi. Este ativista dos direitos humanos dedica-se sobretudo à causa das pessoas LGBTI. Trabalhou como interno no Departamento de Serviços Sociais do Governo do Botsuana em 2009 e, em 2010, passou três meses numa Unidade de Investigação Aplicada do Ministério da Administração Local. Em setembro de 2010, aderiu à BONELA — Rede de Ética, Direito e HIV/SIDA do Botsuana —, uma ONG local na seio da qual trabalhou com várias organizações de defesa dos direitos de mulheres, crianças, trabalhadores do sexo e reclusos.

English Español Français Português

Belissa Andia Perez: "Análise Periódica Universal e direitos LGTBI: Peru"

Belissa Andia Pérez é a fundadora da associação Colectivo Claveles Rojos, membro do Instituto Runa de Desarrollo y Estudios sobre Género. Foi a impulsionadora do Secretariado Trans da ILGA, sendo sua representante de 2006 a 2010. Atualmente, trabalha como Especialista de Programa para a população transgénero no programa da 10.ª ronda do Fundo Mundial e é uma fervente ativista feminista.

English Español Français Português

Rhoda Awino Odhiambo: "A Análise Periódica Universal como novo instrumento da ONU para os direitos LGBTI: países africanos"

Rhoda Awino Odhiambo é membro da organização Minority Women in Action («Mulheres Minoritárias em Ação», MWA). A MWA foi formada em 2006, com o objetivo de pugnar pelos direitos das mulheres lésbicas, bissexuais, transgénero e intersexuais (LBTI) do Quénia, mediante a colaboração com parceiros nacionais e internacionais. A organização informa sobre a orientação sexual e a identidade de género e corrige conceções erróneas neste domínio. Paralelamente, cria plataformas e oportunidades para que as mulheres que dela são membros possam adquirir habilitações em gestão organizativa, emancipação económica e militância especializada nos direitos LBTI, bem como conhecimentos no domínio sanitário. Em dezembro de 2010, na 25.ª Conferência da ILGA Mundo, a MWA foi eleita para o Secretariado da ILGA Mulheres. Rhoda define-se a si própria como ativista e feminista.

English Español Français Português

Pedro Paradiso Sottile: "Análise periódica universal e direitos LGBTI: Argentina"

Pedro Paradiso Sottile é o coordenador jurídico da Comunidad Homosexual Argentina (CHA). Mediante o exercício destas funções, tem batalhado pela igualdade das pessoas LGBTI no seu país. Devido ao trabalho incansável pela causa e ao seu conhecimento dos direitos LGBTI na Argentina, Sottile constitui uma referência, nomeadamente em publicações do país, dos Estados Unidos e do Canadá. Publicou também artigos incidentes no combate contínuo pela igualdade total para as pessoas LGBTI na Argentina e no estrangeiro. Tem participado ativamente no movimento internacional pelos direitos LGBT e, em concreto, na ILGA, incluindo uma declaração sobre os direitos LGBTI, em conjunto com um colega da CHA, na tribuna da ONU em Genebra, em 2004. Atualmente, trabalha como secretário da direção regional da ILGA América Latina e Caraíbas e vive em Buenos Aires, na Argentina.

English Español Français Português

Yuli Rustinawati : "Análise periódica universal e direitos LGBTI: Indonésia"

Yuli Rustinawati, a quem os amigos costumam chamar Ye, é uma das fundadoras e dirigentes da Arus Pelangi (organização LGBT indonésia de âmbito nacional) e uma das dirigentes nacionais do Forum LGBTIQ Indonesia. É licenciada em Economia e foi membro da Associação Indonésia de Assistência Jurídica e Direitos Humanos (PBHI). Em 2005, colaborou com a Rede da ASEAN para as Eleições Livres, como observadora, nas eleições legislativas do Afeganistão.

English Español Français Português

Anna Kirey: “A Revisão Periódica Universal (RPU), uma nova ferramenta da ONU para monitoramento dos Direitos Humanos LGBTI: o Quirguistão e os países da antiga União Soviética

Anna Kirey é uma ativista da antiga União Soviética que tem ocupado posições de liderança na “Labrys”, organização LGBTI com base em Bishkek, Quirguistão. Ela também tem atuado junto a organizações de mulheres e tem um grande interesse pela perspectiva de gênero no âmbito de diferentes estruturas sociais. Atualmente, Anna está finalizando seu mestrado em Estudos Russos e Eurasianos na University of North Carolina (Universidade da Carolina do Norte), em Chapel Hill. Entrevista por Patricia Curzi.

English Español Français Português

Rowland Jide Macaulay : "Revisão Periódica Universal, uma nova ferramenta da ONU para monitorar o respeito aos direitos humanos das pessoas LGBTI: Nigéria y paises africanos"

Rowland Jide Macaulay é fundador e Diretor de Projetos da House of Rainbow Fellowship em Londres e em Lagos, Nigéria. Foi escolhido para representar a Região Africana da ILGA em 2007 e como representante alternativo da Africa no Comitê internacional da ILGA. O principal objetivo de sua organização e REACH OUT e apoiar as minorias sexuais. Nascido em Londres de origem anglo–nigeriana, Rowland Jide Macaulay é formado em Direito, e Mestre em educação. Ordenado ministro em 1998, é também autor, poeta, e um pregador dinâmico e inspirado. Macaulay aborda a inclusão e a reconciliação entre sexualidade,espiritualidade e direitos humanos. Colabora com diversas publicações cristãs e seculares, recebeu diversos prêmios incluindo o de “Gay Man do Ano”, conferido pela Black LGBTI Community por seu trabalho junto às pessoas LGBTI religiosas.

English Español Français Português

Kenita Placide : "Revisão Periódica Universal, uma nova ferramenta da ONU para monitorar o respeito aos direitos humanos das pessoas LGBTI: Santa Lucia"

Kenita Placide é Co-Diretora Executiva do grupo “United and Strong, Inc.”, criado em 2001 em Santa Lucia. Ela é ativista e defensora dos direitos humanos dos cidadãos LGBTI de Santa Lucia e, desde 2010, exerce também o cargo de Co-Secretária Geral de CARIFLAGS, a rede LGBT da região do Caribe. Além disto, Kenita realizou trabalhos de advocacy para pessoas vivendo com HIV, e também participou de programas de prevenção ao HIV. Em dezembro de 2010, foi eleita suplente para o cargo de Co-Secretária Geral da ILGA.

English Español Français Português

Bookmark and Share