Home, Asia, Europe, North America, Latin America and Caribbean, Oceania, Notícias, Mapa do site
Início / Europa / Belgium / Articles / Parlamento Europeu / Buttiglione
lendo mapa..

Contribuidores

anonymous contributorPublicado anonimamente. (Inglês)
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Francês)
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Espanhol)
anonymous contributorPublicado anonimamente. (Português)

Facebook

marcado com: política
Parlamento Europeu / Buttiglione

in BELGIUM, 27/10/2004

A razão prevalece contra posição homofóbica dentro da Comissão Européia

Durante a conferência européia em Budapeste, ILGA celebra a retirada por parte do Presidente da Comissão Européia, Sr Barroso, de sua proposição da Comissão que ia ser votada pelo Parlamento Europeu.

A designação do Sr Buttiglione homem político italiano, ao cargo de comissário responsável sobre a justica, segurança e liberdades provocou uma larga reação de protesto, tanto da parte dos deputados europeus como da parte da sociedade civil.

Sr Buttiglione tem um passado conhecido de intolerância em relação a propósitos discriminatórios contra os homossexuais, mulheres, imigrantes.

Sr Buttiglione havia apresentado uma emenda na Convenção sobre o futuro da Europa, propondo a supressão de orientação sexual da lista de motivos de discriminaçao proibidos pela Charte Européia dos direitos fundamentais.

Durante sua audição em outubro 2004, Sr Buttiglione chocou numerosos deputados europeus quando descreveu a homossexualidade como um pecado e reveindicando que o papel das mulheres seria o de ter filhos e de ser protegidas por seus maridos. Ele acrescentou que seria orientado antes por seus valores morais do que a preocupaçao de garantir os direitos fundamentais da União Européia.

Nestas últimas semanas, ILGA-Europa fez uma campanha muito ativa, afim que o Presidente Barroso reveja a composição de sua comissão. Esta manhã na sua declaração, ele reafirma claramente seu apego ao respeito do Parlamento aos Direitos Humanos como valores fundamentais da União Européia.

Consequente a esta decisão, Jackie Lewis, co-presidente de ILGA-Europa declarou „O Parlamento confirmou que os direitos das Lésbicas, dos Gays, das pessoas Bissexuais e das e dos Transgeneos são parte integrante dos direitos humanos dentro da União Européia”. Ele também disse que e inaceitável que um comissário afirme abertamente que seus valores morais estejam a cima dos deveres que impoem a sua função.

Tradução Camille Cabral


Mais informações

Petição No a Buttiglione

Uma decisão sem precedente a favor dos direitos humanos

Declaração comun de ILGA Europa / Catholics for a free choice enviada aos chefes dos partidos politicos europeus

ILGA-Europa pede ao Presidente Barroso de rever a composição de sua comissão

Dossier sobre Rocco Buttiglione


Bookmark and Share